Resenha | A garota do outro lado da rua, de Lycia Barros




A patricinha e o nerd .


Sinopse: Enzo é um menino intelectual e aplicado nos estudos que não se importa em ser ridicularizado pela maioria dos colegas de turma. Ao lado de seu amigo Leandro, entra e sai do colégio com uma vida monótona e sem grandes emoções. Entretanto, há alguém que sempre balança a serenidade de Enzo: Rafaela, sua vizinha de frente, por quem Enzo é apaixonado desde a infância e é sua colega de turma. Porém, linda e popular entre os estudantes, Rafaela não se dá conta da sua existência até que um dia, em uma excursão do colégio, ambos se perdem juntos na mata. Rafaela e Enzo começarão a se conhecer melhor e perceberão o quanto estavam enganados a respeito um do outro. Mas será que esse conhecimento resultará em uma grande amizade? Será que o amor de Enzo sobreviverá além das aparências? Afinal, quem é verdadeiramente a garota do outro lado da rua?


Autor: Lycia Barros
Editora: Novo Século
Gênero: Romance
Páginas: 115



Quando eu vi a capa deste livro me interessei um muito para ler, imaginei ser um romance clichê que me fizesse ficar apaixonada pelo romance, pelo mocinho da história. O título não me fez pensar no livro "Lola e o garota da capa ao lado" , é meio similar. 

A primeira coisa que notei ao começar a ler foi que é um romance realmente, mas muito simples, não envolve o mundo sobrenatural, ou cenas quentes, não é nada do tipo, é um romance bem inocência, e eu adorei por ser um tipo de história diferente, sem deixar de falar que é um livro bem curtinho consegue-se ler em um tarde.

A Garota do outro lado da rua, relata um romance, uma paixão da adolescência. Meio ilusória. Enzo é perdidamente apaixonado por Rafaela, desde a primeira vez que a viu na rua de sua casa, estava andando de bicicleta, foi amor á primeira vista, porém nunca foram amigos, muito menos tiveram uma conversa. Enzo é um CDF puro, e Rafaela é uma patricinha, eles tem níveis de popularidade bem diferentes. Ela namora, um garoto chamado Matheus, que para Enzo é um verdadeiro babaca, metida á machão. Rafaela nunca notou Enzo, não da mesma forma que ele, na verdade ela nunca se interessou para conhecê-lo.

Enzo tem bons amigos e claro também CDF’S, Alana e Leandro. Alana é uma fanática por Biologia (Adoro biologia) e chata, Enzo pode até ser amigo dela, mas a evita constantemente por esse motivo, pois ela sempre vai atrás dele pedir sua ajuda para resolver os deveres escolares, inclusiva os de Biologia. E Leandro é seu melhor amigo, e claro, sabe da paixão que Enzo sente por Rafaela, e sempre manda a real para ele, dizendo que ele nunca ficará com ela. 

Ao longo da narração percebi que Enzo é realmente apaixonado por Rafaela, lógico que sempre quis que ela o notasse, mas sempre se poz em seu lugar, carregou isso anonimamento por anos. Até que um dia em um acampamento da escola, eles se perdem, na verdade acontece algo inesperado, há um assalto, e ele ajuda Rafaela, e neste ato belíssima de solidariedade por quem se ama eles acabam se perdendo na floresta , passando três dias, sobrevivendo somente do que tinham levando para se alimentar neste acampamento. Enzo como um belo CDF, não experiente, mas bem inteligente, fica bem tranquilo nesta situação, tem paciência e se mantém a par da situação. Bem diferente de Rafaela que só sabe reclamar com ele, e querer isso e aquilo. Bom fica evidente que ela é bem mimada, impaciente, exigente.

É bem notável que eles não tem muita coisa a ver um com o outro, no meu ponto de vista, Enzo é muita areia para o caminhãozinho de Rafael. Neste meio tempo Rafaela descobre que ele é apaixonado por ela á muito tempo, e fica mexida com essa descoberta, ficou encantada porque ele desde muito tempo mantéu essa paixão em segredo. 

As vezes a gente se engana muita com uma pessoa, o livro mostra isso. Mostra também que o amor realmente nos cega, e que talvez o verdadeiro amor pode estar mais próximo do que imaginamos, só que com a ilusão não ficar perceptível. Eu me encantei com o Enzo, ele é um verdadeiro cavalheiro, muito encantador. E merecia ser feliz, mesmo que não fosse com a garota que sempre sonhou, pelo menos ele percebeu o quanto esteve errado durante todo o tempo e pôde corrigir seu erro a tempo. 


Eu havia lido este livro em Abril de 2014, e muitas coisas aconteceram, foram mudando com o passar dos dias, minha percepção e a realidade foi tomando forma aos meus olhos, quando eu li este livro eu era bem imatura, e odiei o final deste livro, não consegui aceitar. Mas, a avaliação desta leitura mudou com a releitura, acrescentei mais estrelas, antes somente duas, hoje são quatro, quem sabe futuramente não vire um favorito, né?

Parabéns Lycia Barros por esta linda mensagem, nem tudo ocorre como o planejado, mas nem sempre é ruim, as vezes é muito melhor.

Você também pode gostar

2 (Comentários Desativados)

Postagens Recentes