Resenha | Desafio, de C.J.Redwine


Capa belíssima, história instigante.




No interior das muralhas de Baalboden, à sombra do brutal Comandante da cidade, Rachel Adams guarda um segredo. Enquanto as outras garotas fazem vestidos e obedecem a seus Protetores, Rachel é capaz de sobreviver nas florestas e de manejar uma espada com destreza. Quando seu pai, Jared, é declarado morto em uma missão, o Comandante designa para Rachel um novo Protetor: Logan, o aprendiz de seu pai, o mesmo rapaz a quem Rachel declarou o seu amor há dois anos, e o mesmo que a rejeitou.Com nada além da forte convicção de que seu pai está vivo, Rachel decide fugir e encontrá-lo por conta própria. Mas uma traição contra o Comandante tem um preço alto, e o destino que a aguarda nas Terras Ermas pode destruí-la.Aos 19 anos, Logan McEntire possui várias faces. Órfão. Rebelde. Inventor. Aprendiz do principal mensageiro da cidade, Logan se concentra em aperfeiçoar seus conhecimentos para escapar da tirania de Baalboden. Mas seus planos não incluíam tornar-se responsável pela impulsiva filha do seu mentor. Logan está determinado a protegê-la, mas, quando seu plano de fuga fracassa e Rachel é obrigada a suportar as consequências, ele percebe que há mais sentimentos em jogo do que a simples decepção de Jared. Enquanto Rachel e Logan lutam para atravessar as Terras Ermas, perseguidos por um monstro que ninguém pode matar e por um batalhão de assassinos com sede de sangue, eles descobrem o romance, a decepção e a verdade que pode desencadear uma guerra latente há vários anos e cada vez mais perto de explodir.


Título Original : Defiance  | Editora: Novo Conceito | Literatura: Estrangeira/Ficção | 1° Edição/2014 | Páginas: 368  



Escrito por C.J.Redwine, lançado no Brasil pelo selo da Novo Conceito, um livro de capa belíssima e história instigante. Primeiro livro de uma trilogia distópica com certos traços científicos. Este primeiro volume tem a narração dividida pelos personagens principais, Rachel Adams e Logan McEntire.


Rachel Adams é uma jovem de 17 anos, destemida, forte e independente. Logan McEntire um jovem de 19 anos, orgulhoso, misterioso e rebelde. Ambos carregam dentro de se ódio pelo "comandante" de Baalboden, a cidade onde vivem que é cercada por uma extensa muralha, onde impede que os seus moradores saiam sem as ordens de seu comandante.

O mundo fora de Baalboden é perigoso, existe uma fera solta cujo o apelido é “ maldito ". Esta fera mata as pessoas que se aventuram por fora das muralhas e por isso os únicos que são autorizados a sair são homens encarregados de missões dadas as ordens pelo comandante que é um homem cruel  capaz de fazer tudo para que se mantenha a ordem dentro da cidade, e que elas sejam obedecidas.

Como toda distopia, a revolução é dada como ponto de partida quando, Jared Adams, pai de Rachel é declarado morto após não retornar de  uma de suas missões e por lei de Baalboden, qualquer guerreiro que não retorne no prazo estipulado, é declaro morto e assim esquecido e como Rachel tem somente 17 anos sua tutela é passada para o aprendiz de seu pai, o Logan McEntire, a desejo de seu próprio pai. Tudo que Rachel não gostaria que acontecesse aconteceu, seu pai foi dado como morto e sua tutela foi para a única pessoa que ela evita se aproximar a anos.

Rachel apesar de evitar seu novo guardião, já foi sua amiga no passado e em consequência dessa amizade se apaixonou, só que ele a decepcionou muito ao não a corresponder da forma devida e como era muito jovem preferiu perdeu amizade. Rachel cresceu com o coração 'dilacerado' e sem esperança alguma neste amor. A pequena menina cresceu e se transformou em uma linda mulher, uma guerreira ruiva destemida e independente. Seu pai lhe ensinou tudo que ela sabe, lutar é sua paixão, mais as únicas pessoas que sabem disso é o seu pai, seu grande amigo Oliver e seu mais novo guardão,  o Logan. Esse é um segredo que não pode ser revelado para o comandante, pois alguém como Rachel, com tal atitude é julgada como rebelde, segundo as leis é visto como uma afronta o seu governante.

" .. O que eu quero dizer é que não há qualquer possibilidade nesta vida de que eu me submeta a você por livre e espontânea vontade.. "

Apesar desse desentendimento do passado, existe problemas maiores, pois Rachel não acredita que seu amado pai tenha falhado em sua missão, ela acredita que seu pai esteja vivo e que precisa de sua ajuda. Algo esta errada, alguém está mentindo e não é o seu pai.

" ..  A idéia de que sou a única com a convicção faz com que um espasmo de dor corra pelo meu corpo .. "
Rachel precisa saber o motivo pelo qual fez o seu pai não retornar da missão, falha não foi, seu pai era um mestre no que fazia, o melhor dos melhores e sempre, sempre retornava. Ela  precisa o encontrar e fará isso se aliado a única pessoa que lhe restou, Logan McEntire, um jovem de passado misterioso que por algum motivo odeia o comandante tanto quanto ela.

 " ... Percebo em seus rostos algo que nunca imaginei que voltaria a ver. Esperança. Eles estão abalados mas não estão abatidos pela derrota . Querem viver . Não apenas respirar , inalando e exalando o ar enquanto os dias passam. Eles querem viver .E querem nossa ajuda para fazer isso ... "


Um romance, uma aventura, um mistério. Desafio é tudo que se imagina e um pouco mais, só não espere um romance forte, a estória é complexa e focada em um único ponto, o romance surge em meio aos conflitos, é mínimo em comparação a toda a história, não é contagiante, mais já é um início. Sentir que este primeiro volume é mais como uma introdução do melhor que estar vir, então vale á pena ler  "Desafio " !

Os personagens são fortes e me passaram muita confiança, deu para notar que a autora sabia do que estava escrevendo, não vi ela parar pra pensar na próxima frase ou paragrafo, tudo fluiu muito bem, foi uma leitura agradável e pretendo ler a continuação.

"O vermelho já está entrando em minha pele. Já penetrou em minhas veias e se tornou parte do que resta de mim. Ele pode esfregar o quando quiser, mas nunca vai conseguir apagar isso. "

C.J.Redwine é muito boa no que faz, e não teme o luto!


Compartilhar:

0 (Comentários Desativados)