Resenha | Rich e Mad de William Nicholson


" Amor é um poder que produz amor . "



Um drama sobre problemas reais, a envolvente história do primeiro amor, da primeira relação sexual e tudo entre um e outro. Um olhar contemporâneo e sincero sobre o primeiro amor e a descoberta da sexualidade. Mad sonha em se apaixonar perdidamente e em meio a encontros e desencontros acaba descobrindo que sua cara metade é o amigo Rich.

Editora: Galera Record | Páginas: 304 | Adicione à sua estante no Skoob


Recentemente concluí a leitura de " A probabilidade estatística do amor à primeira vista ", um livro de conteúdo simples e intenso. E quando comecei a ler Rich e Mad não esperava que fosse assim, tão simples e de certa forma especial e cativante

William Nicholson decidiu apostar desta vez na passagem mais importante para todos os seres, a fase da descoberta do amor e dos prazeres que com ele são acompanhados. 



Neste romance conhecemos Maddy FisherMad é simples e inteligente e jovem. Com apenas 16 anos está cansada de ser 'ignorante', tudo que ela mais quer é conhecer alguém para se amar, mas ela não conhece ninguém que a interesse, até que vem em mente que o jovem Joe Finnigan é o garoto perfeito. Sendo mais velho saberá entendê-la e suprirá suas necessidades. Mas, tem um pequeno problema, Joe tem uma namorada. Mad consegue a amizade dele após entrar para uma peça de teatro, pois Joe adora participar de peças teatrais assim como sua fiel namorada, Gemma Page

Mad não suporta teatro, mas está disposta a fazer sacrifícios para obter a atenção de Joe. E quando ela consegue da noite para o dia eles entram em um relacionamento confidencial via e-mail. 

Em meio a está confusão Mad faz amizade com um dos seus colegas da classe de Inglês, Rich Ross. Mad e Rich sempre estudaram juntos mais nunca houve uma oportunidade para se apresentarem. 

Rich é apaixonado pela Grace Carey, uma das melhores amigas de Mad e Rich ver em Mad a oportunidade para ficar próximo de Grace e conquistar sua amizade, este é o primeiro passo para a sua missão de conquistar Grace. 

Rich é um jovem muito fofo, além de inteligente é extremamente sentimental. Ele é diferente de todos os meninos que Mad conhece, apesar de tímido ele tem respostas sábias para tudo, não importa o tema. Mad nunca havia notado Rich e ao conhecê-lo percebeu que ele  é muito atraente e bonito. Está fiel amizade os levará a um caminho cheio de descobertas. 


" Amor não correspondido: é como carregar um jarro de pura água fria. Devo tomar cuidado para derramar, porque isso é o que tenho para dar. Darei para aquela que amarei para sempre. O jarro de água fica mais pesado a cada dia. Meu maior medo é deixá-lo cair, e todo o meu amor escorrer antes de encontrá-la. " 


A adolescência é a fase mais importante para um ser humano, pois é na adolescência que nos conhecemos de verdade nossas ações e atitudes influenciam bastante em nossa vida futura. Por essas razões entre outras que gostei muitíssimo deste livro e não nego que sua simplicidade o torna monótono e até irritante as vezes, mas isso não tirou a beleza e a delicadeza deste romance. Quando terminei a leitura, senti um vazio imenso e acima disso senti saudades dos personagens, é difícil se desapegar de algo que nos conquista verdadeiramente. 

Rich e Mad são jovens especiais, assim como Oliver e Hadley(A probabilidade estatística do amor à primeira vista) em ambos os livros conhecemos adolescentes que iniciam um amor lindo, intenso e real. 


Além de Rich e Mad somos apresentados ao seu professor de inglês uma figura muito importante para Rich, ele ensinou basicamente tudo que ele sabe a respeito dos sentimentos e as responsabilidades que devemos ter ao senti-los. Tive a impressão que apesar de Rich ter uma personalidade única ele teve uma grande influência de seu professor e por isso o Sr.Pico se tornou meu professor favorito de todas as leituras com professores como personagem. Também conhecemos Cath a melhor amiga de Mad e Max o melhor amigo de Rich. Esses dois são divertidos e sinceramente gostei muito deles também, vi neles um casal em potencial. 

Rich e Mad é uma leitura divertida que nos conquista pela simplicidade dos personagens e pela intensidade dos temas ocultos no romance.


"Amar alguém não é apenas um sentimento forte: é uma decisão, um julgamento, uma promessa. Se o amor fosse somente um sentimento, não haveria razão para a promessa de amar um ao outro para sempre. Um sentimento parece e, talvez , vai embora. Como posso julgar se ficará para sempre, quando minhas atitudes não envolvem julgamentos e decisão ?" 

Você também pode gostar

0 (Comentários Desativados)

Postagens Recentes