Globo Alt revela capa de A Rosa e a Adaga, continuação de A Fúria e a Aurora, de Renée Ahdieh

quinta-feira, dezembro 01, 2016


O lançamento de A Rosa e a Adaga é previsto para Fevereiro de 2017. 


Em uma terra à beira da guerra, Shahrzad foi levada para longe do amor de seu marido Khalid, o califa de Khorasan. Certa vez, ela acreditou que fosse um monstro, mas a ter seus segredos revelados viu um homem atormentado pela culpa e uma poderosa maldição - uma que pode mantê-los separados para sempre.

Reunida com a sua família, que se refugiaram com o inimigo de Khalid, o Tariq, seu amor de infância, ela deveria estar feliz. Mas Tariq agora comanda as forças para destruir o império de Khalid. Shahrzad é quase uma prisioneira presa entre a lealdades que tem pelas pessoas que ama. Mas ela se recusa a ser um peão.

Enquanto seu pai, Jahandar, continua a jogar com forças mágicas que ele ainda não entende, Shahrzad tenta descobrir competências que lhe estão latentes dentro dela. Com a ajuda de um tapete velho esfarrapado e um jovem tempestuoso, mas sábio, Shahrzad tentará quebrar a maldição e se reunir com seu verdadeiro amor.


PRIMEIRO VOLUME


Personagem central da história, a jovem Sherazade se candidata ao posto de noiva de Khalid Ibn Al-Rashid, o rei de Khorasan, de 18 anos de idade, considerado um monstro pelos moradores da cidade por ele governada. Casando-se todos os dias com uma mulher diferente, o califa degola as eleitas a cada amanhecer. 

Depois de uma fila de garotas assassinadas no castelo, e inúmeras famílias desoladas, Sherazade perde uma de suas melhores amigas, Shiva, uma das vítimas fatais de Khalid. Em nome da forte amizade entre ambas, Sherazade planeja uma vingança para colocar fim às atrocidades do atual reinado. 

Noite após noite, Sherazade seduz o rei, tecendo histórias que encantam e que garantem sua sobrevivência, embora saiba que cada aurora pode ser a sua última. De maneira inesperada, no entanto, passa a enxergar outras situações e realidades nas quais vive um rei com um coração atormentado. 

Apaixonada, a heroína da história entra em conflito ao encarar seu próprio arrebatamento como uma traição imperdoável à amiga. Apesar de não ter perdido a coragem de fazer justiça, de tirar a vida de Khalid em honra às mulheres mortas, Sherazade empreende a missão de desvendar os segredos escondidos nos imensos corredores do palácio de mármore e pedra e em cenários mágicos em meio ao deserto.

Você também pode gostar

0 (Comentários Desativados)

PARCEIROS

Fãs do Blog

Seguidores (2342) Próxima

PUBLICIDADE