Resenha | Depravity (Tales Beastly # 1), de M.J. Haag

domingo, janeiro 24, 2016


" São os seus defeitos que fazem de você uma pessoa única. " 


Um conto de fadas clássico com uma torção nova, a Bela e a Fera saga começa com Depravação ... dezesseis anos de idade Benella está preocupado com duas coisas: evitar os dois meninos da aldeia que a atormentam e arrecadar alimentos para ajudar a alimentar sua família. Infelizmente, o melhor frutas e legumes selvagens estão perto dos muros da propriedade, um lugar enevoado escuro habitado por uma fera implacável. Quando seus algozes trancá-la atrás dos portões maciços, Benella sabe que seu destino está selado. No entanto, o destino não é o que ela espera. Seu encontro com a besta inicia um ciclo bizarra de barganha para sua liberdade, e a besta parece determinado a vê-la perder.

Editora: Createspace | Páginas: 178 | Adicionar: Goodreads | Comprar: Amazon

Como estou feliz com está leitura. Quando li a descrição e percebi que é uma adaptação do conto " A Bela e a Fera " não pensei duas vezes e iniciei a leitura. Depravity(Depravação) de M.J. Haag é um livro incrível e se você procura por uma adaptação inusitada, instigante e que cative leia este livro!

O livro de M.J.Haag é realmente uma adaptação muito similar a história de A Bela e a Fera, porém ela abordou profundamente a miséria que é descrita pela família de Bela e seu povoado que sofre com a escassez.

Sua personagem Benella, assim como bela do conto original é um doce de menina e faz de tudo para proteger sua família e mantê-los com o estomago cheio, porém não é nenhum pouco ingênua, pois sabe que em um mundo como o seu todos são capazes de tudo por um pão.

Não espere ler este livro achando que irá encontrar um romance ingenuo, sim, eu considero lindo por sua origem, mas neste enredo existe personagens violentos e até abusos sexuais. 

Para que Benella mantenha seus princípios e sua família alimentada, ela se arrisca a roubar verduras e frutos de uma orta próxima a um casarão abandonado que é protegido por uma fera monstruosa. Benella não sabe o por quê, mas a fera já a salvou duas vezes e lhe deu abrigo e alimentos. 

Mesmo temendo a Fera, Benella está disposta a tudo para salvar sua família e a Fera é a única escolha que tem para mantê-los salvos, com uma dívida enorme Benella se ver obrigada a estreitar os laços com a Fera e viver em seu castelo. 


Como eu já disse anteriormente este livro é destinado a leitores maduros devido a situações sexuais, violência (tentativa de estupro), e sua linguagem moderada. Porém, isso não ofusca a magia depositada nesta história. Eu estou encantada, pois mesmo este conto sendo ofuscado por uma neblina carregada de miséria e violência nos é mostrado que mesmo diante do horror podemos ter esperança, devemos ter esperança. O personagem Fera sempre me remeterá a esperança, mesmo sendo raivoso e desentendido eu consegue ver através disso, ele continuará sendo um homem triste e solitário. Benella, é uma moça esperta e inteligente. * Em breve teremos no CDL resenha da segunda parte, titulado em " Deceit (Beastly Tales #2) ".

Depravação (Tales Beastly # 1), de M.J. Haag merece chegar as mãos de leitores brasileiros, torço para que meu desejo seja realizado. 

Você também pode gostar

0 (Comentários Desativados)

PARCEIROS

Fãs do Blog

Seguidores (2342) Próxima

PUBLICIDADE