Como pedir a isenção da taxa de inscrição do Enem 2014 - Cantinho da Leitura

Como pedir a isenção da taxa de inscrição do Enem 2014

12.5.14

O Ministério da Educação (MEC) e o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais) já abrirão o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2014. De acordo com previsão do MEC, espera-se que este ano o exame bata novo recorde de candidatos, com mais de 8 milhões de inscritos.
As inscrições poderão ser feitas até o dia 23 de maio, unicamente pela internet, no site do Inep. Após o término do processo, os estudantes deverão pagar os R$ 35 refentes a taxa de inscrição, até o dia 28 deste mês.
Entretanto, de acordo com informações do edital do Enem 2014, estudantes que se encaixam num dos pré-requisitos abaixo poderão se isentar do pagamento da taxa. Na edição do ano passado, por exemplo, cerca de 65% dos mais de 7 milhões de inscritos no Enem não tiveram que pagar os 35 reais para prestar o exame. Veja nos tópicos que seguem se você pode solicitar a isenção e saiba como fazê-lo.
 

Estudantes de escolas públicas

Aqueles que forem concluir o Ensino Médio no ano de 2014 e estiverem matriculados em qualquer modalidade de ensino em escola da rede pública, declarada ao Censo Escolar da Educação Básica, estarão AUTOMATICAMENTE isentos da taxa de inscrição. Se este for seu caso, fique tranquilo que não será necessário tomar nenhuma providência.
 

Lei de isenção

O candidato que possuir renda familiar de até 1 salário mínimo e meio (R$ 1.086) por pessoa poderá pedir a isenção da taxa mediante declaração de carência. Neste caso será necessário clicar no link “Declarar Carência”.
 

Baixa Renda

Os participantes que se encaixarem nos critérios de renda do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), poderão declarar serem membros de família de baixa renda ou estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica. São eles: pessoas com renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo (R$ 362) ou renda familiar mensal de até três salários mínimos (R$ 2.172). Aqui também será necessário acessar a opção “Declarar Carência”.
O Edital do Enem 2014 ainda exalta que o Inep reserva-se o direito de analisar a solicitação de isenção e exigir, a qualquer momento, os documentos comprobatórios da situação de carência declarada, sob pena de responder por crime contra a fé pública e de ser eliminado do Exame para aquele que não comprovar tais informações.

Você também pode gostar

1 (Comentários Desativados)

PARCEIROS 2016

PUBLICIDADE