Resenha | Agora e para sempre, Lara Jean, de Jenny Han - Cantinho da Leitura

Resenha | Agora e para sempre, Lara Jean, de Jenny Han

4.5.17


Em Para todos os garotos que já amei, as cartas mais secretas de Lara Jean - aquelas em que se declara às suas paixonites platônicas para conseguir superá-las - foram enviadas aos destinatários sem explicação, e em P.S.: Ainda amo você Lara Jean descobriu os altos e baixos de estar em um relacionamento que não é de faz de conta.

Na surpreendente e emocionante conclusão da série, o último ano de Lara Jean no colégio não podia estar melhor: ela está apaixonadíssima pelo namorado, Peter; seu pai vai se casar em breve com a vizinha, a Sra. Rothschild; e sua irmã mais velha, Margot, vai passar o verão em casa. Mas, por mais que esteja se divertindo muito - organizando o casamento do pai e fazendo planos para os passeios de turma e para o baile de formatura -, Lara Jean não pode ignorar as grandes decisões que precisa tomar, e a principal delas envolve a universidade na qual vai estudar. A menina viu Margot passar pelos mesmos questionamentos, e agora é ela quem precisa decidir se vai deixar sua família - e, quem sabe, o amor de sua vida - para trás.

Quando o coração e a razão apontam para direções diferentes, qual deles se deve ouvir?


Editora: Intrínseca | Número de Páginas: 304


Uma das maiores surpresas de 2016 foi ter a informação que a história de Lara Jean teria um terceiro volume. Em P.S Ainda amo você muitas perguntas ficaram sem respostas, e por mais que eu tenha amado o final, este até então, a conclusão da duologia não tive como conter a minha tristeza. 

Fiquei muito ansiosa, e quando a sinopse foi divulgada tantos pensamentos tive e tantas conclusões passou por minha mente. Confesso, temi muito que esse terceiro volume fosse o pior erro de Jenny Han. Mas não foi, ela soube dar continuidade a este romance tão querido de forma perfeita. 

Em "Agora e para sempre, Lara Jean" há um salto temporal de 1 ano, Lara segue com seu relacionamento com Peter. Apesar do Dr.Covey ainda estar chateado com os episódios de 'P.S Ainda amo você' fica nítido que toda á família é apaixonada por Peter, e surpreendentemente, Margot. Infelizmente, não posso dizer o mesmo da Mra. Kavinsky, a mãe de Peter. Ela guarda muita mágoa de Lara pelo o seu termino do relacionamento com Peter, ocorrido no final de Para todos os garotos que já amei

Neste último ano escolar ela se diverte muito em companhia de seus novos amigos, amigos de Peter. O inicio do romance é fofo, mostra o quanto o relacionamento dos dois vai bem, há muitas demonstrações de amor.

Eu sei que com o segundo volume os leitores ficaram divididos entre Peter e John. John, é um dos rapazes mais gentis e educados que Lara já conheceu, é um verdadeiro príncipe. Mas era esperar demais que Lara, uma garota tão inteligente continuasse em dúvida com relação a isso. 

John, dá as caras neste volume, mas já se passou 1 ano e apesar de Lara ter um carinho especial por ele, o tempo passou, muitas coisas aconteceram neste meio tempo. Não há continuidade do triangulo amoroso, há de fato um ponto final neste capitulo da história de Lara Jean. Graças a Deus! - Não há nada mais chato que uma garota em dúvida entre dois garotos. 

Com esse ponto final, os dilemas de Lara são outros. Seu pai se casará em breve e ela termina sobrecarregada com tantas coisas. Fora o estresse em preparar um casamento, ela tem a dificuldade de escolha para o seu futuro, logo irá para a universidade e seu sonho é não ir para muito longe de casa, por isso decide acompanhar Peter. 

Peter é jogador e tem uma bolsa garantida na universidade do estado, ficará pertinho de casa, assim como Lara Jean. Com tantas expectativas e planos para os dois na UVA, ela não esperava ser recusada para a vaga.

A partir deste momento assim como o coração de Lara, o meu se parte em milhares de pedacinhos, quando ela chora, eu choro. Até então eu não havia sentido Lara tão triste como nesse momento. Muito difícil conter a emoção, porque eu sou jovem, um pouco mais velha que Lara e sei a dificuldade de conseguir uma vaga para o nível superior, mas no caso dela é ainda mais difícil porque ela tem um namorado, e uma família que ama muito. Se distanciar deles nunca passou por sua mente, e quando ela tem seus planos destruídos se sente péssima, e pior, com vergonha de se mesmo. 

Sua família, Peter e os amigos a confortam mas ela só se sente melhor quando recebe a informação que foi aceita em William and Mary, uma universidade que fica a 2 horas de casa, conformada apesar da tristeza se sente melhor porque poderá cursar 1 ano e depois se transferir para a Universidade de Virginia e finalmente ficar pertinho de Peter. 

O grande problema do romance se inicia quando Lara Jean é aceita em UNC, a Universidade da Carolina do Norte. 

Da Universidade de Virginia para a Universidade da Carolina do Norte há uma distância maior e de carro seria uma viagem de aproximadamente 3 horas. Complicado para visitar a família, ou mesmo para Lara visitar Peter em UVA e vice-versa. 

Lara Jean, apesar da distância, visita o campos da UCN, se encantada e decide ingressar nesta Universidade. É perceptível que apesar de parabenizar Lara, Peter fica diferente. Isso o incomoda ao ponto de afetar o relacionamento. 

Achei interessante o romance abordar esse tema, relação à distancia e como isso afeta os relacionamentos, mesmo os mais fortes. Peter é apaixonado por Lara, tudo nela o atrai. Deu para se perceber tão perfeitamente, são tantos detalhes, olhares e sorrisos. 

Lara se entristece com Peter e de uma forma diante deste relacionamento ela perde a sensibilidade de seus próprios desejos. Porém, Peter esta ali, ao seu lado, e vê tudo claramente. Chega um momento que ele não aguenta a situação e desabafa tudo de uma vez deixando Lara chocada. 

Apesar dos seus sonhos frustrados Lara não poderia estar mais excitada com a possibilidade de descobrir novas coisas. É normal o parceiro se sentir recuado e receoso do que pode acontecer. Achei tão lindo Peter neste sentido. Ele é muito sincero. 

O final não poderia ter sido mais certo, a emoção chega a transbordar pelas páginas. A magia do amor, mas muito além disso, a magia de viver a juventude. 

Na última página há a seguinte frase: "Eu tive um tempo esplêndido", concluiu alegremente, "e eu sinto que ele marca uma época na minha vida. Mas o melhor de tudo foi voltar para casa." — L. M. MONTGOMERY, Anne of Green Gables 

Apesar desse livro ser o último, consigo imaginar tudo que aconteceu na vida de Lara Jean, tantos momentos felizes, alguns ofuscados por receios, ciúmes, saudades, mas tenho certeza que ela se tornou uma mulher realizada, amorosamente e profissionalmente.

Tenho que parabenizar Jenny Han por esse romance fantástico! Sentirei saudades desses personagens e principalmente de Kitty, minha pequena. Sou apaixonada por essa garota!

Você também pode gostar

0 (Comentários Desativados)

PARCEIROS 2016

Fãs do Blog

Seguidores (2456) Próxima

PUBLICIDADE